Renato Teixeira fecha programação de shows do aniversário de Brasília

0
14771

Para fechar os três dias de shows especiais do 57º aniversário de Brasília, que ocorreu em 21 de abril, o espaço externo do Panteão da Pátria teve a presença do violeiro e compositor Renato Teixeira, neste domingo (23). Antes, o espetáculo contou com apresentações dos artistas locais Cacai Nunes e o grupo de choro Fernando César e Regional.

Devido à mudança de local, que deveria ser na Praça dos Três Poderes, o evento começou com atraso, às 20h45. A alteração no horário ocorreu porque o novo espaço precisou ser vistoriado antes da apresentação.

Segundo Renato Teixeira, o aniversário de Brasília é uma festa nacional. “Em todas as cidades do País se fala da capital nesta data. É um charme.”

Além disso, ele vê uma conexão entre a música que canta e a cidade. “Brasília é a capital do choro. O gênero é levado a sério aqui há muitos anos e tem profundas ligações com a história brasileira”, explicou.

Algumas pessoas aproveitaram o show da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional, na Torre de TV, para ir depois curtir as performances no Panteão.

Foi o caso do servidor público Daercio Evangelista, de 44 anos, que levou a esposa Vânia e os dois filhos, Daniel e Daercio Júnior. “Além do aniversário de Brasília, hoje é dia nacional do choro. Nós somos fãs e comemoramos tudo de uma vez”, disse Evangelista.

Cerca de mil pessoas marcaram presença no único dia de shows no gramado em frente ao Panteão da Pátria, segundo a Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social.

Apresentação contou com participação de artistas locais

Além de Teixeira, o pernambucano criado em Brasília Cacai Nunes também tocou viola caipira para abrir as apresentações. Depois, às 22 horas, foi a vez do grupo brasiliense Fernando César e Regional, liderado pelo violonista, compositor, arranjador e professor que dá nome à banda.

Atividades gratuitas na cidade fazem parte da celebração, que se estende até o próximo sábado (29).

Quem foi ao Panteão não se arrependeu. Especialmente o casal de namorados Rafael de Andrade, de 44 anos, e Aline Machado, de 37, servidores públicos. “Saímos do Lobo Fest — Festival Internacional de Filmes Curtíssimos – chateados porque íamos perder parte do show do Renato Teixeira. Deu tempo de chegar, comer e ainda assistir a tudo”, contou Andrade.

Programação teve três dias de apresentações na Torre de TV

Além das atrações na Praça dos Três Poderes, a programação de shows para o aniversário de Brasília começou na sexta-feira (21) na Torre de TV, que teve três dias de espetáculos, com destaque para a participação de Elba Ramalho e da banda Raça Negra.

Hoje foi o último dia no local, com uma apresentação da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional.

De acordo com a Secretaria de Cultura, foram destinados R$ 263 mil no chamamento público para as 28 atividades propostas na programação e mais R$ 10 mil na contratação do grupo Boi de Seu Teodoro.

O custo total para a contratação dos artistas nacionais será de R$ 327 mil. Ainda segundo a pasta, o valor total do evento, considerando gastos com infraestrutura, cachês, passagens aéreas e exposições, ficou em aproximadamente R$ 1,8 milhão.

Agência Brasília

Deixe uma resposta