A vida de Felippelli não está sendo fácil

0
3747

Henrique Constantino, cofundador da Gol em declarações ao Ministério Público Federal disse que Filippelli recebeu R$ 1 milhão em propina.

Felippelli foi detido no dia 23 de maio, na Operação Operação Panatenaico, da Polícia Federal, que investiga desvio de verbas na construção do estádio Mané Garrincha.

As denúncias que pesam sobre Felippelli deixam a sua pré-candidatura para governador do Distrito Federal muito difícil.

Ele jura de pés juntos que não tem nada com isso.

Deixe uma resposta