Ex-sócio da Engevix revelou que Milton Pascowitch administraria para “pessoas do PT” uma conta secreta

Em recente depoimento à Polícia Federal, obtido por O Antagonista, o ex-sócio da Engevix Gerson Almada revelou que Milton Pascowitch administraria para “pessoas do PT” uma conta secreta em Madri, na Espanha.

Segundo Almada, Pascowitch lhe contou, no início de 2014, que viajaria a Paris e depois pegaria um trem para Madri “para não deixar rastro”. O objetivo era “olhar a conta que administrava para pessoas do PT”.

De acordo com o empreiteiro, que colaborou de forma espontânea, essas “pessoas” seriam Luiz Inácio Lula da Silva e José Dirceu.

Almada contou à PF que “quando da assinatura do contrato entre a Ecovix e a PNBV, Milton Pascowitch justificou comissão pedida no sentido de que parte seria destinada para a aposentadoria do ex-presidente”.

Fonte: O antagonista

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here